Tuesday, October 14, 2014

Aumento de vocabulário

Vocês já repararam que, basta alguém se tornar celebridade,  a primeira medida é essa pessoa aumentar alguma coisa? Por exemplo, é só alguma instant celebrity sair de um desses shows de realidade e o primeiro passo, se for mulher, é aumentar os seios. Se for homem, aumentar os músculos (o que vocês pensaram que eu iria escrever? :-). Para ambos os sexos, aumentar o cachê, aumentar as aparições em público...
Mas nenhum deles se preocupa em aumentar o vocabulário, o grau de instrução, o nível de conhecimento...
Isso diz muito sobre o que se valoriza no Brasil: tendo a aparência "certa", está tudo resolvido. Você não precisa nem ter sobrenome. Basta ser o ou a Fulano(a) do XXX e a vida está ganha: as portas se abrem. Conhecimento é coisa para zé-mané (otário no Rio de Janeiro e loser em inglês americano.)
Sonho com o dia em que essas celebridades instantâneas começarão a dizer:
"Agora que saí do confinamento, vou contratar um professor de português e aumentar meu vocabulário para poder expressar melhor meus sentimentos e idéias e para compreender melhor o mundo que me cerca..."

Será que um dia isso acontece? Comentários aí embaixo, por favor! :-)


Ilustrações gratuitas aqui.

7 comments:

Regina said...

Ana, tenho a esperança que um dia isso irá acontecer sim.
Os valores devem ser mudados assim, o conhecimento e a educação serão prioridades nas vidas das pessoas . Abraços

Ana Scatena said...

Vamos torcer e trabalhar para isso, Regina. Obrigada pelo incentivo!

Saulo Campos said...

Esperança eu tenho que um dia isso mude, mas como diz um professor da faculdade o Brasil não tem jeito! O que vcs acham?

Ana Scatena said...

Esperar cansa... Temos de mudar para que o Brasil mude! Divulgue os blogs educacionais. Obrigada pela visita!

Carol K. said...

Há algum tempo eu tenho pensado e falado nesse mesmo assunto! As pessoas realmente não se preocupam em saber, apenas em ter ou ser. Recentemente comecei a estudar para fazer concursos públicos e agora tenho contato com várias disciplinas muito diferentes de tudo que tinha visto até então. Tem sido ótimo pois estou aprendendo muito não só pra despejar na prova mas para mim como ser humano, como cidadã! E já vejo diferença entre o que eu penso e o que a maioria das pessoas do meu círculo social pensam (ou a ausência de pensamento!!).
Ótimo post!
Beijos!

Ana Scatena said...

Oi, Carol!
Que legal que mais pessoas estão preocupadas com o que você chama de ausência de pensamento!
As pessoas não percebem que o conhecimento liberta e a ignorância escraviza...
Continue lendo e divulgando! Vamos fazer a diferença com trabalho de formiguinhas. Beijos!

Anonymous said...

acho que isso nunca irá mudar ...

já li que pessoas mais apresentáveis (aka bonitas) ganham mais que uma nao tao cuidada ...
até as empresas julgam a aparência .. como se um cara que tem cabelo grande ou tatuado é menos capacitado que um cara que nao tem ..

aff .. hehehe

pronto .. só queria falar isso !! :P