Wednesday, December 18, 2013

Boas Festas! Feliz Natal! Próspero Ano Novo!

  Nas festas de Natal e Ano Novo  tentamos encontrar parentes e amigos que, na correria do ano, deixamos de ver. Por isso, aqui vai minha mensagem tradicional, em agradecimento aos meus leitores, que me acompanharam por mais um ano.
Em 2013 publiquei muito pouco aqui, porque estive muito ocupada com minhas aulas de literatura em línguas portuguesa e inglesa. Essas aulas normalmente demandam mais tempo do que as de língua, pois temos que ler vários livros ao mesmo tempo, além de revisar a crítica literária para cada período, autor ou obra. O bom  é que adoro fazer isso. O trabalho, então, vira diversão e acaba ocupando cada minuto de tempo livre, incluindo os fins de semana!
Uma das minhas resoluções para o novo ano, então, é tentar publicar com mais frequência, principalmente porque tenho muitos leitores fiéis e todo dia novos leitores surgem, apesar da minha inconstância nas mensagens. Sou muito agradecida por essa fidelidade!
Fiquei pensando muito sobre o que escrever. Não queria repetir o que já havia escrito antes.
Nos anos anteriores já expliquei a origem da palavra Christmas, também grafada Xmas em mensagens informais: Christ + mass é a Missa de Cristo. Cristo, no grego antigo, significava ungido. Missa tem uma origem curiosa. Inicialmente significava dispensa no latim vulgar; não despensa, aquele lugar onde antigamente se guardavam os alimentos. Quem tem condições de morar em casa com mais espaço ainda conserva a despensa, mas quem precisa se espremer nos apartamentos (“apertamentos”) de hoje em dia, em geral, dispensa

Os católicos geralmente não perdem a missa de Natal, que comemora o nascimento de Cristo. Mas não só os católicos. Creio que todos os cristãos celebram a data. Já escrevi sobre a origem da palavra Natal, por isso não repito aqui.

Também já falei sobre como se diz réveillon em inglês. Talvez os mais jovens nem saibam o que significa essa palavra, mas é para isso que este blog existe, entre outras coisas. Basta clicar no link para encontrar a explicação. Garanto que é interessante, como tudo que se refere às palavras.


Pensei então em escrever sobre as saudações em inglês usadas nessa época do ano, embora o politicamente correto tenha complicado até isso! 
Atualmente existe um movimento que pretende substituir, no comércio dos Estados Unidos pelo menos, o Feliz Natal pelo Boas Festas. Como o Natal está associado às religiões cristãs, algumas pessoas não consideram correto desejar Feliz Natal a pessoas de outras religiões ou ateias.
E isso tem gerado alguns conflitos até sérios porque, apesar de para muitos o Natal ser uma festa de confraternização sem relação nenhuma com a espiritualidade, para outros, a festa só existe por ter suas raízes no cristianismo e, portanto, desvincular a celebração do nascimento de Cristo é um desrespeito e até uma heresia.

Por conta disso, aconteceu um fato um tanto esdrúxulo nos Estados Unidos.  Uma mulher estava pedindo donativos para o Exército da Salvação à porta de uma loja de departamentos. Como é costume nessas ocasiões, ela tocava um sino chamando a atenção dos pedestres para que doassem dinheiro. 





Quando uma cliente passou por ela, em direção à porta da loja, ela a saudou dizendo “Boas Festas!”. A cliente então voltou e perguntou, “Você acredita em Deus? Então tem que dizer Feliz Natal!” e agrediu a mulher que pedia os donativos!

Ou seja, uma ocasião que deveria ser de paz e confraternização resulta em uma agressão, por causa de palavras! Viram só como as palavras são importantes? E podem até ser perigosas, como nessa história que contei aqui. 

Bem, então, como escolher a saudação mais adequada? Acho que, se você conhecer a pessoa, vai saber se ela é cristã ou não. Se for, pode dizer Merry Christmas (Feliz Natal). Se não for, diga Happy Holidays (Boas Festas). E se não quiser se arriscar a tomar uns tapas, como a mulher da história, não diga nada! Espere a pessoa te saudar e retribua da mesma maneira! 


Felizmente, a passagem de ano é uma festa menos controversa e, enquanto o politicamente correto não complicar, acho que estamos todos seguros se saudarmos uns aos outros com o bom e velho Happy New Year (Feliz Ano Novo)!

So, dear readers, Happy New Year!  





8 comments:

Maria Luiza Scatena Degani said...

Ana Maria, que beleza. Gosto muito de ler seus textos. Este do natal está fantástico e o mais interessante que as palavras em destaque me fazem "pensar sublinhado". Explico, mudo a entonação da leitura e em voz baixa. Coisa de louco? Não.Operação Mental. Acredito na importância de conhecer origem e significado das palavras.Auxilia no processo de aprendizagem e na retenção do conteúdo. Bem, mas como estou aqui para dar parabéns pelo seu trabalho já falei demais e vou parar antes que o simples gesto de dar parabéns vire uma despensa de palavras. Você receber parabéns não se dispensa mas a despensa de palavras não é importante aqui.

Maria Luiza Scatena Degani said...

Ana Maria, que beleza. Gosto muito de ler seus textos. Este do natal está fantástico e o mais interessante que as palavras em destaque me fazem "pensar sublinhado". Explico, mudo a entonação da leitura e em voz baixa. Coisa de louco? Não.Operação Mental. Acredito na importância de conhecer origem e significado das palavras.Auxilia no processo de aprendizagem e na retenção do conteúdo. Bem, mas como estou aqui para dar parabéns pelo seu trabalho já falei demais e vou parar antes que o simples gesto de dar parabéns vire uma despensa de palavras. Você receber parabéns não se dispensa mas a despensa de palavras não é importante aqui.

Ana Scatena said...

Isa, que beleza de texto! Muito obrigada pela contribuição. Outras pessoas vão ler e aprender com suas palavras também. Parabéns! Muito bem escrito!

Ana Lucia Pannain said...

amei seu texto, como sempre pontual! Um viva às suas palavras. Boas Festas!!!!

Ana Lucia Pannain said...

Amei seu texto, como sempre muito pontual. Salve às suas palavras!! Boas Festas amiga!!!!!!!

Ana Scatena said...

Obrigada, xará! Pela visita e por suas palavras! Boas Festas para você e sua família!

Anonymous said...

Merry Xmas, dear!!

"Penso no que faço com fé,
Faço o que devo fazer com amor.
Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende.
Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar;
porque descobri no caminho incerto da vida,
que o mais importante é decidir"
(Cora Coralina)

Boas Festas!
Eduardo

Ana Scatena said...

Thank you, Eduardo!
Very nice words! Sobre a difícil arte de decidir nossos caminhos. Bom 2014, com ótimas decisões para todos!